Joel Marinho
O incansável guerreiro
CapaCapa Meu DiárioMeu Diário TextosTextos ÁudiosÁudios FotosFotos PerfilPerfil ContatoContato LinksLinks
Textos

O SER QUE ME FEZ SER
E quando na turva noite sentir saudades
Olhe a estrela que eu me tornei.
Bailarina dançarei nas nuvens
Sorridente voarei livre pelo espaço,
Sou pássaro errante nos certos caminhos
A roseira cheia de espinhos que me transformou
Não é mais
As minhas lágrimas regaram-as
Hoje são flores coloridas no campo,
Campo selvagem e intransponível
Tornei-me parte do campo
E de tão selvagem que sou 
Jamais  voltará a me tocar
Meu corpo você perdeu
Minh'alma não mais é sua.
Sou tudo aquilo que me fez tornar
Nada além de sua própria criação.
JOEL MARINHO
Joel Marinho
Enviado por Joel Marinho em 06/11/2019
Alterado em 06/11/2019
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Joel Marinho). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários