Joel Marinho

 

O incansável guerreiro



Textos


MINHA LINDA AQUARELA
E quando se rega plantas
Colhe flores que encanta
E a vida mais bela assim.
 
Pinto-te numa aquarela
Para noites sem sequelas
E dias alegres sem fim.
 
Se se planta plantas
Rega-se um mantra
E colhe-se um sorriso.
 
Com pincel na mão
Eu saio sem noção
Pincelando o paraíso.
 
Não, não sei pintar,
Mas não custa tentar
Brincar de ser artista.
 
E nessa alegria
Vou pintando os dias
Abrindo novas pistas.
 
E se me vir chorar
Que seja ao pintar
O mundo de alegria.
 
E na minha aquarela
Eu pinto o sorriso dela
Em forma de poesia.
JOEL MARINHO
 
 
 
 
 
 
 
Joel Marinho
Enviado por Joel Marinho em 24/07/2020
Alterado em 24/07/2020


Comentários


 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras